Notícias

Uma coleção de notícias e conteúdos especialmente elaborada para gestores de condomínio.

PIX : Como sua administradora pode se beneficiar com o pagamento instantâneo

O que muda com o pagamento instantâneo e quais os benefícios?

Atualmente, transferências entre contas bancárias são realizadas por meio de TEDs (Treansferências Eletrônicas Disponíveis) e DOCs (Documentos de Ordem de Crédito); e pagamentos de contas são realizados por boleto bancário, cheque, cartão ou até mesmo dinheiro em espécie. Algumas dessas transações financeiras podem levar tempo e até mesmo gerar um custo adicional para o cliente. Assim, o PIX surge como solução para essas complicações.

O que é o PIX?

O PIX é um novo sistema de pagamento instantâneo anunciado no início desse ano pelo Banco Central, que possibilitará a realização de transações financeiras (transferências e pagamentos) em questão de segundos a qualquer hora do dia. O novo sistema de pagamento funcionará 24h por dia nos 7 dias da semana durante o ano todo, incluindo finais de semana e feriados.

Visando maior inclusão financeira para a população, o PIX permitirá que as pessoas façam transferências entre amigos, compras presenciais, compras online e via aplicativos e até mesmo pagar contas de maneira prática e rápida a qualquer hora do dia.

O novo serviço, anunciado pelo Banco Central em 19 de fevereiro de 2020 deve estar disponível para o público a partir de novembro. Até lá, bancos, instituições financeiras e fintechs de serviços financeiros com mais de 500 mil clientes ativos deverão se adequar ao novo sistema e disponibilizar o PIX a seus clientes, uma vez que essa opção de transação será obrigatória para essas organizações.

Quais são os benefícios da implementação do PIX?

Novidades como o PIX trazem novas oportunidades e obriga os negócios a se reinventarem, de modo a se adaptarem aos constantes avanços que uma mudança desse porte nos traz. Algumas vantagens da implementação do PIX são:

- Rapidez (Pagamento Instantâneo): Agilidade em efetivação de pagamentos e transferências, bem como agilidade nos recebimentos;

- Disponibilidade Plena: Funcionamento em tempo integral durante o ano todo;

- Simplicidade: Facilidade na utilização do serviço;

- Multiplicidade de casos de uso: Permite a geração de novos negócios e novos meios para uma empresa transacionar com seus clientes;

- Segurança: É um processo seguro para quem faz e para quem recebe uma vez que é realizado com base em dados previamente cadastrados e não se faz mais necessária a troca de informações como número da conta/agência para realizar uma transação;

- Menos Custos: As tarifas para esse tipo de pagamento serão bem menores do que as de uma TED ou um DOC por exemplo;

- Conveniência: É uma operação simples para os clientes.

Obviamente, como toda mudança, a implantação do PIX transformará o nosso jeito de mexer com o dinheiro podendo tornar outros meios de pagamento, como as TEDs, os DOCs, obsoletos a médio e longo prazo.

Como funcionará esse novo sistema de pagamento?

O PIX funcionará de forma prática por meio de leitura de QR Codes estáticos ou dinâmicos, por meio da utilização de alguma das chaves de segurança (Número do CPF/CNPJ, Telefone ou E-mail), ou até mesmo utilizando a tecnologia de aproximação.

Cada vez mais as pessoas estão utilizando seus smartphones para lidar com o dinheiro e administrar sua vida financeira. De acordo com uma pesquisa realizada pela Federação Brasileira de Bancos, juntamente a Deloitte, as operações bancárias realizadas via smartphone cresceram 24% em 2018, em relação a 2017.

Assim, o PIX segue essa tendência mundial que permite você realizar qualquer operação financeira com apenas seu celular em mãos. Será necessário apenas abrir a câmera do celular, escanear o QR Code ou utilizar uma das chaves de segurança no app da sua instituição financeira, confirmar a operação e seu pagamento será realizado instantaneamente.

Como esse novo meio de pagamento funcionará com base em informações atreladas, não será mais necessária a troca de informações como número de conta e agência, apenas com o seu e-mail o cliente poderá realizar uma transferência em questão de segundos. Isso garante uma segurança maior tanto para o pagador quanto para o recebedor. O DICT (diretório de contas transacionais) oferecido como parte do PIX serve para que seja possível realizar transações utilizando apenas dados como CPF/CNPJ, telefone ou E-mail.

Como você, administradora de condomínios, pode se preparar para essa mudança?

A Point Condomínio já está se preparando para implantar esse novo meio de pagamento que promete mudar e melhorar seu jeito de fazer negócios, pagando e recebendo diretamente por sua conta digital.

Atrelando o PIX a sua conta digital, será possível acompanhar seu saldo com toda a movimentação de saídas e entradas em tempo real. Garantindo total transparência e segurança para você e seus clientes.

Além disso, será possível gerar e emitir boletos pela Point Condomínio com essa nova tecnologia do PIX para que você possa receber taxas de condomínio e outras cobranças instantaneamente de seus moradores.

Os boletos serão emitidos já com o QR Code, ao invés do código de barras, e poderão ser enviados por e-mail e WhatsApp, tornando mais simples, prático e rápido o pagamento da cobrança do seu condomínio.

O morador só precisará escanear o QR Code do boleto com a câmera do seu celular e finalizar o processo de pagamento pelo app da instituição financeira dele que o dinheiro será somado ao saldo da conta do condomínio instantaneamente.

A Point Condomínio está sempre pronta para se atualizar e fornecer o melhor serviço para sua administradora.

Compartilhe esta página

Últimas notícias